Aprenda a fazer o autoexame bucal, que previne o câncer na região

O câncer  é uma doença que pode aparecer em diferentes órgãos do corpo humano e que causa alterações que influenciam a diferenciação, o crescimento e até mesmo a morte celular. Porém, você sabia que ele também pode aparecer na região da boca, em um tipo de câncer denominado câncer bucal?

O câncer de boca é uma denominação que inclui tanto os tumores que aparecem nos lábios como os que aparecem na cavidade oral, que compreende a mucosa bucal, palato duro, língua oral, gengivas e assoalho da boca. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (Inca), seus fatores de risco  compreendem a má higiene  bucal, o uso de próteses dentárias mal ajustadas, o consumo de álcool e o tabagismo, além de faixa etária superior a 40 anos.

Ainda de acordo com o Inca, o câncer de lábio é mais frequente em pessoas brancas e registra maior ocorrência no lábio inferior quando comparado ao superior. Por outro lado, o câncer em outras regiões da boca está relacionado ao tabagismo, especialmente quando o hábito é feito em conjunto com o consumo de álcool.

E qual é a melhor forma de preveni-lo e tratá-lo? Além de evitar os fatores de risco, é de extrema importância que seja feito o autoexame bucal. Se algo de errado for detectado, é importante procurar um especialista, como um cirurgião-dentista, que deverá solicitar um exame mais detalhado para confirmar ou não a ocorrência da doença.

Aprenda a fazer o autoexame bucal:

  • Lábios: observe se existem mudanças de cor e apalpe com os dedos a fim de procurar por áreas que estão endurecidas. Vire os lábios, conforme a figura, e examine a parte interna
  • Bochecha: examine dos dois lados.
  • Língua: observe e apalpe toda a sua superfície, verificando se há alterações. Caso a língua não seja bem limpa durante a higiene bucal, é normal que uma camada branca se acumule sobre a superfície da língua.
  • Coloque a língua para fora e vire para os dois lados. Observe bem e passe o dedo.
  • Incline a cabeça para a frente e observe embaixo da língua. Passe o dedo para sentir se há caroços ou qualquer outro tipo de alteração.
  • Céu da boca: incline a cabeça para trás e observe. Um pequeno espelho pode ajudar durante esse procedimento.
  • Garganta: examine-a enquanto diga “AAA” em frente ao espelho.
  • Pescoço: apalpe o pescoço e embaixo da mandíbula, procurando por caroços.

Fonte: Inca e Secretaria Estadual de Saúde

 

Matéria retirada do site idmed.terra.com.br



Labordent - Laboratório de Prótese Odontológica
Rua Cel. Pedro Jorge, 304 - Prado - Belo Horizonte/MG - CEP: 30411-105 - contato@labordentbh.com.br  Fanpage da Labordent no Facebook

Mantido
por

Mantido por Chromos Planet